Ajude-Nos Divulgar

Autoridades Procuram Erradicar Remédios Falsos – Como Funciona

Autoridades africanas procuram formas bastante eficazes para erradicar os remédios falsos que tem entrado nas cidades. Confira em nosso blog como funciona esse processo e as conseqüências de permitir que isso ocorra.

A cada dia que passa a praticidade tem se tornado cada vez mais fácil para todas as pessoas, independente de onde residam, em especial pelo fato da tecnologia estar na mão de todos e conseguir se comunicar com quem esteja até mesmo a quilômetros de distancia para saber como estão. No que diz respeito a compras, não mais se torna obrigatório comparecer presencialmente para verificar, todos os detalhes são vistos na tela e o pagamento da mesma forma e esperar a entrega.

Porém, apesar de ser benéfico de várias formas, muitos tem se aproveitado disso para prejudicar outras pessoas e saírem ganhando bastante dinheiro ou de alguma outra forma. Não é incomum vermos noticias de alguns que acabaram conhecendo pessoas virtualmente e ao se encontrarem acabaram perdendo a vida ou até mesmo ter perdido muito dinheiro por estar apaixonado e ter dado de graça por exemplo. Algum outro é a venda de produtos ilegais em todas as categorias e isso tem ocorrido na África, ceifando muitas vidas por isso as autoridades procuram erradicar os remédios falsos que tem sido o causador desse índice. Veja mais detalhes a seguir para que note o quão perigoso é aceitar esse tipo de comportamento.

Como Funciona Para Erradicar Remédios Falsos

Há algumas semanas atrás alguns ministros assinaram uma resolução que tem como objetivo acabar de uma vez por todas com os remédios ilícitos, para que não aumente a quantidade de mais de 700 mil pessoas que já morreram por ano e o volume de tráfico que atinge mais de 75 bilhões de dólares desde 2010. Muitos não sabem mas diariamente medicamentos falsos tem estado no mesmo patamar das drogas e isso tem de haver uma condenação firme para que possa acabar por completo e os que mais precisem devido a tantas doenças no continente, a população não seja mais enganada.

A explicação do que envolve essa falsificação, é que um remédio falsificado é um produto que não contem seu componente principal para sanar o problema ou doses insuficientes, sem contar as substancias tóxicas que serão introduzidas. No mundo todo, 10% são esses descrito acima, em especial nas vendas da internet. O professor francês que fez a denuncia do crime salientou que os doentes não são os únicos afetados, mas também os mais pobres que  não tenham acesso a área da saúde, que na África é mais comum. Então a luta contra a corrupção está sendo o foco e os resultados tem surtido de acordo com os dados, visto que mais de 30 mil unidades já foram apreendidas e acima de 50 pessoas presas por colaborarem com isso. Espera-se que com a colaboração de todos, este quesito possa melhorar e não ter mais perca de vida quando estão apenas procurando a cura ou tratamento de alguma enfermidade.

Por que é tão perigosa essa situação? Deixe seu comentário. Agradecemos a visita e até a próxima!

Autora: Amélia

Comente Via FaceBook

Comentários

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.