Você Sabia?

Marrocos Lança Reflexão Para Elaboração de Agenda – Como Funciona

O Marrocos lança essa semana uma reflexão para elaboração de agenda migratória africana, que fará com que possam expor suas idéias. Saiba em nosso blog como irá funcionar trazendo melhor estilo de vida para todos deste continente.

Infelizmente há muitas cidades que possuem uma situação financeira precária, fazendo com que não tenha escolas adequadas para que crianças e jovens possam ter conhecimento e futuramente utilizar na sua vida pessoal e até para trabalhar. A saúde que faz pouco caso das pessoas e muitas acabam morrendo por não ter os cuidados necessários e as vezes para doenças graves e outros aspectos.

Um dos mais conhecidos que passa por essa situação é a África que possui uma parte do continente com pessoas pobres e sem nenhum tipo de moradias e as características ditas anteriormente, levando ao alto índice de perca de vida. Por mais que queiram falar do que precisam não tem voz por assim dizer para que sejam ouvidos por governantes do mesmo país ou de outros. Por isso, Marrocos lança uma reflexão para elaboração de agenda para que possam saber as necessidades da população, veja mais detalhes no blog!

Como Funciona a Elaboração de Agenda Que  Marrocos Lança

Essa reflexão possui vários países africanos para defender os melhores interesses dos mesmos, debatendo a crise migratória que ocorre. Após muitos anos de negligência vão poder “falar” sobre sua agenda, ao invés de sempre aceitar os dos outros como sempre foi, conforme dito pelo ministro marroquino. Os debates vão durar cerca de três dias na cidade de Skhirat reunindo mais de quinze ministros que representam as sub-regiões dos continentes, especialistas e organizações internacionais. As propostas serão enviadas a União Africana no mês de janeiro de 2018, confiado em março para o rei de Marrocos que irá elaborar uma visão comum.

Um dado é que 15% da migração internacional é ilegal, bem menos do que se da em outros países e 85% dos que ficam são bem acolhidos, porém não há tantos recursos para ajudar eles. As respostas que forem dadas mediante as sugestões devem prevenir os danos causados pela imigração irregular que afeta em especial a juventude. Essa questão representa um importante desenvolvimento conforme salientado pelo secretário geral da ONU. Por fim, o Marrocos que fez a reintegração do UA no começo deste ano, fez adaptação da nova política em 2013 e realizou duas campanhas de regularização de clandestinos que se dava mais na África sub-sahariana.

Por que reuniões como essas são tão importantes para o benefício da população? Deixe seu comentário. Agradecemos a visita e até a próxima!

Autora: Amélia

Comente Via FaceBook

Comentários

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.